quarta-feira, 27 de maio de 2015

Cansa ser forte o tempo todo

Está difícil… como se já não bastasse eu ser uma pessoa difícil para mim própria, ainda estou rodeada numa onda negativa!

O que tem estragado a minha dieta é a minha insatisfação no trabalho, ando desmotivada e sem paciência para aturar gente mal educada. Então, quando comento que vou mudar isso, só oiço frases que me puxam para baixo: “a situação do país está mal”; “Já tens uma idade complicada”; “Em todo lado é assim…”; “Andam a pagar muito mal”; “Muitas empresas estão a fechar”, etc… Porra! A partir de hoje fico calada, ninguém vai saber dos meus planos.

Por muito forte que eu seja… quando esta onda se junta me deixa para baixo! Hoje amanheci com uma grande neura e sem paciência para aturar ninguém! Isto só pode ser um teste de resistência!

Não custa muito mudar os rumos dos pensamentos… eu já tive provas maravilhosas do poder do pensamento positivo, do poder de proferir só palavras positivas e do poder do agradecimento. E vem essa gente só com frases negativas!

Basta olhar um pouco ao redor e imaginar como seria a tua vida se tivesses nascido no Afeganistão, ou na Etiópia, ou mesmo no México! Será que terias a vida tranquila que tens? Terias as oportunidades que tens? Talvez já nem estivesses vivo!

Por isso eu começo e termino o dia sempre a agradecer à Deus tudo o que tenho e vejam como a minha vida mudou: nasci num país pobre (é rico em recursos, mas estes recursos não são para servir o povo), a minha mãe não pôde me criar, sempre estudei em escola pública, nunca pude frequentar cursos de nada (música, dança, línguas), estive exposta a perigos diversas vezes e hoje tenho uma vida maravilhosa, um marido que foi um presente de Deus, um homem que tem um coração bom… eu acreditei e a mudança aconteceu na minha vida e vai continuar acontecendo.

Mas as vezes me vejo rodeada numa nuvem má, de notícias más, de frases más… e cansa ser forte o tempo todo! Felizmente é passageiro, porque já aprendi a buscar paz no Senhor. Quando me sinto assim, para baixo, fico calada e quieta só reflectindo sobre tudo aquilo a que tenho que ser grata.

terça-feira, 19 de maio de 2015

Pesagem

Na semana passada fiz uma avaliação com a personal e correu tão mal! Fiquei tão envergonhada… não quero mais me sentir assim e por isso mudei de estratégia. E tem muito haver com as minhas últimas postagens, sobre elevar o meu espírito e não deixar que fatores externos me deixem desequilibrada.

Eu tentei fazer as dietas que a nutricionista me tem indicado, mas pelo meio andei a comer o que não devia em ataques de ansiedade, por causa de acontecimentos externos. Por exemplo, certo dia fiquei chateada com uma situação no trabalho e fui à cozinha comer uma colher de Nutella.

Só tenho é que manter o equilíbrio e pensar que as situações complicadas que aparecerem só têm é que serem resolvidas da melhor maneira possível e se eu não conseguir resolver, não é grave, afinal ninguém é perfeito.

Assim, na balança dela no dia 14/05, o meu peso foi de 79,900kg no próximo dia 21/05 ela ficou de verificar novamente o peso a meu pedido e eu acredito que vou ter bons resultados, pois o trabalho de equilíbrio que tenho estado a fazer tem surtido efeito e desde então não tenho cedido a tentações.

Outra coisa que me deixou incomodada foi ter constatado que desde o verão passado (Julho 2014) continuo a pesar entre os 76 e 77 quilos, ou seja, já ando há um ano neste vício de fazer asneiras e queimá-las no ginásio ao invés de continuar a caminhada para chegar ao meu peso ideal! Isto tem mesmo que mudar!

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Ama o teu próximo como a ti mesmo

Ultimamente tenho dedicado o meu tempo de leitura à literatura voltada para alimentar o meu espírito, pois acredito que se estivermos em equilíbrio qualquer projeto só pode ter uma conclusão eficaz. Já evoluí um pouco, embora ainda tenha inúmeras arestas para limar, nomeadamente no que toca a conviver pacificamente com pessoas desagradáveis.

Já aprendi que o pensamento positivo tem um poder muito grande nos acontecimentos da nossa vida, bem como o pensamento negativo, e é deste último que nós temos que nos libertar. Aprendi também que temos mais bênçãos para agradecer do que pedidos para fazer, ao agradecer todas as bênçãos que temos, automaticamente aparecerão mais e mais bênçãos na nossa vida. Eu tenho tido provas incríveis do poder do agradecimento e da fé na minha vida e sinto que estou a evoluir cada dia mais no sentido de ter uma vida mais tranquila.

A maior barreira tem sido mesmo alguns seres humanos complicados que, simplesmente, não sabem ser felizes e não conseguem ver os outros bem. A estas pessoas, temos que dedicar oração e paciência, se formos cair na teia de revidar e criar rancor, este mal é todo devolvido para nós e vai abalar o nosso equilíbrio. Não é fácil, mas basta lembrar um dos ensinamentos de Jesus: “se te baterem, oferece a outra face”. Não é todo mundo que está disposto a isto, mas este é o caminho, afinal temos que amar o próximo como a nós mesmos.

O primeiro passo é incluir nas nossas orações o nome destas pessoas desequilibradas e invejosas e pedirmos paz para elas, pois o nosso equilíbrio depende do equilíbrio delas, nós aqui na terra somos um todo e se uma parte está em desequilíbrio, vai comprometer o todo e, acreditem mesmo nisto, nós fazemos parte deste todo.

Não vale à pena discutir com pessoas que não sabem ouvir e nem respeitar a opinião do outro, se nos depararmos com pessoas assim, o melhor é ficarmos calados e rezar para que Deus conceda à esta criatura um pouco de bom senso e respeito pelo próximo, como Jesus nos ensinou: “Pai, perdoai-os, eles não sabem o que dizem”. Não vão mudar a nossa opinião, mas nós também não precisamos mudar a deles, só precisamos orar por eles para que possam cair e si.

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Compromisso


Tem sido dias difíceis, por muito que eu queira me empenhar no meu projeto de perda de peso, há fatores negativos que, infelizmente, interferem e me fazem retroceder.

Me sinto desmotivada no meu trabalho, São funções que eu não gosto de desempenhar, para não falar no clima de terror que se vive quase todos os dias… eu até podia realizar as mesmas funções, mas seria mais agradável se eu passasse estas horas inserida em um clima de paz e entreajuda. Isto iria contribuir para o meu equilíbrio emocional e desta forma eu até conseguiria descansar quando me deito para dormir à noite.

Não sei se penso mal, se só eu que penso assim, mas acho um grande desperdício de tempo trabalhar 40 horas semanais para ter um proveito tão pequeno… as vezes me sinto mal pensando assim, quando sei que há países que ainda tem um sistema de semi-escravidão ou mesmo escravidão, mas também sei que há países que as pessoas trabalham menos horas e nem por isso são menos produtivas (isto é uma questão social de distribuição de renda e igualdade entre as pessoas). Na verdade eu só preciso de um pouco mais de tempo para mim, porque essas 40 horas semanais são muito mais que apenas isto.

Outra coisa lixada é a inveja dos outros, tem muita gente que não quer nos ver bem, nos ver melhor que elas e infelizmente eu absorvo estas energias negativas. Estão sempre nos olhando dos pés à cabeça, à procura de um defeito e quando não encontram elogiam com falsidade. Querem nos ver comendo porcarias que só nos vão fazer mal, oferecem e insistem em oferecer.

Mas em contrapartida a este mal todo tem os amigos de verdade que nos dão forças, que se alegram com as nossas vitórias. E eu tenho amigas assim, e sou uma felizarda por isso. Outro dia ouvi de uma amiga o maior presente que poderia ter ouvido e que não estava à espera, ela disse que eu era a uma inspiração para ela, por causa dos resultados que já consegui. Isto deu-me tanta força! E vê-la a obter resultados também é um grande presente.

Outro grande presente na minha vida é Deus, que me tem dado muita força e tem desemaranhado os muitos nós que aparecem, nem há como descrever a magia que isto tem feito na minha vida, eu só fecho os olhos e peço e agradeço ao mesmo tempo e a magia se faz.

Isto tudo deveria ser o bastante para comprimir todo o mal que descrevi acima, e até tem comprimido em alguns dias… mas cansa a gente tentar a ser forte o tempo todo! E há dias que este peso me faz dobrar os joelhos e cair, hoje é um destes dias. Sito um cansaço tão grande! Sentada na minha cadeira do escritório, para onde quer que eu olhe só vejo porcaria para resolver e eu não tenho vontade de resolver!

O título deste post é “compromisso” e comecei esta conversa toda desta maneira para me tentar convencer de que, mais do que motivação, eu tenho que assumir um compromisso de responsabilidade com as pessoas que gostam de mim, que me querem ver bem e que me estão ajudar para isto. Minhas amigas que me amam e se juntam a mim nesta jornada; minha família, que mesmo estando longe torce muito por mim; meu marido que faz tudo o que eu preciso e não me deixa faltar nada; a Dra. Marta que sempre me mostra o lado positivo de todos os meus resultados; A Filipa que sempre acreditou em mim, mesmo quando eu não acreditava e que começou este projeto comigo; Deus que me atende sempre que eu peço, me conforta e compromisso comigo mesma.

Vou procurar saber mais sobre meditação, sobre absorção de energias positivas, vou procurar estar mais Zen, acredito que seja isto que esteja a fazer falta neste processo.

“O Senhor é o meu pastor e nada me faltará”