quinta-feira, 24 de agosto de 2017

A mente barulhenta

Hoje fui insistentemente perturbada pelos meus pensamentos e só me deixaram em paz quando deixei de os ouvir.

À hora do almoço, fui à rua porque tinha que ir resolver um assunto rápido ao banco, durante o caminho a mente estava numa batalha e só dizia: “vou comer um bolo”, “Talvez seja melhor um sorvete”, “Pode ser um bolo, é só hoje”, “Está decido, vou comer três bolas de sorvete”, “Não, é melhor comer só uma bola”, “Afinal vou comer o bolo e pronto”.

Esta conversa toda estava a me dar em doida! Decidi, à saída do banco, ir à papelaria ver coisas fofas e livros e não dei ouvidos às minhas alucinações, deixei de pensar! A paranóia passou e eu regressei ao trabalho sem ter feito nenhuma porcaria.

Portanto, silencie a sua mente.

4 comentários:

  1. Oi xará! rs
    também fico doida com meus pensamentos... principalmente esses que querem nos ludibriar e também amo coisas fofas de papelaria e livro!
    gostei daqui... voltarei!
    xoxo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A nossa mente está sempre a nos tentar enganar, é preciso ter cuidado! Obrigada pela visita, beijinhos.

      Eliminar
  2. Também estou na luta contra a balança e amei conhecer seu blog,já estou seguindo!
    Aos poucos todas nos vamos,os alcançar nossos objetivos!
    Beijo
    http://www.simplesedoce.com.br/

    ResponderEliminar